Dia a dia

Hasta Santa Cruz!

30 de May de 2013

Nossa estadia em Santa Cruz durou pouco, mas pelo menos – graças ao Jodanga Backpacker HI! Hostel – o suficiente para mudar um pouco da imagem da cidade que não era nossa predileta. Durante o dia conversamos com um suíço, que vive aqui na Bolívia, Urs B… e fechamos nosso primeiro trabalho voluntário da viagem no Afasi (Amigos de la Fauna Silvestre), marcamos para chegar aqui as 18h.

O dia foi bem tranquilo, após um bom café da manhã no hostel, fizemos o checkout e ficamos na sala de TV assistindo o Incrível Homem Aranha e Senhor dos Anéis enquanto trabalhava no site em inglês (em breve novidades). Já planejando os dias seguintes lembramos que precisávamos trocar dinheiro e fomos para a Praça 24 de Septiembre, em torno de 20 minutos a pé. No caminho percebemos que estava tudo fechado, afinal era feriado de Corpus Christi aqui também. Mesmo assim seguimos até lá.

Passamos por algumas casas de câmbio fechadas mas após um sorvete resolvemos entrar numa loja de souveniers e vimos uma plaquinha escrito “Cambio Dólar/Euro”. Perguntamos o preço e era compatível com o que tinham nos informado. Voltamos ao hostel já eram quase 16h, era o tempo de por tudo no carro e vir ao Safari Lodge, hostel que serve também de alojamento para a Fundação Afasi. É bem perto de Santa Cruz de la Sierra, pouco mais de 40km, sendo 11km de terra e dois riachos (sem ponte).

AFASI

AFASI

O dono nos recebeu super bem, conversamos e ele falou um pouco sobre o que levou ele a sair da Suíça – após trabalhar anos como consultor financeiro – comprar terras na Bolívia, criar a fundação e vir morar aqui. Ele será um personagem da nossa série Trabalhadores Extremos.

Amanhã o dia começa cedo, os bichos não podem esperar. As 7am já devemos estar dando comida às tartarugas, macacos, jaguatirica, cobras e papagaios.

Já no quarto, fomos esquentar leite para tomar com toddy e eraaa uma vez um rabo quente, calma calma… para quem não sabe é o nome popular do ferro que esquenta água. Teve que ser leite gelado mesmo, para a infelicidade da Cau.

Rabo Quente

Rabo Quente

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply