Dia a dia

Parte 1 chega ao fim! Por que?

15 de December de 2014
parte1_chega_fim

Como já diz a música “todo carnaval tem seu fim“, o nosso também chegou ao fim. Não por completo, não é isso, não desistimos de chegar até a Austrália, nem de realizar nosso sonho, mas tomamos a decisão de realizar o próximo trecho da viagem, ou quem sabe a viagem por completa, de mochilão.

O que temos a certeza é que os nossos planos durante esses 18 meses que passamos rodando parte da América do Sul mudaram quase todos os dias e aprendemos a lidar com isso. Sabemos que sempre poderá haver mudanças, por isso não gostamos de afirmar com tanta certeza se vamos de mochilão, bike, carro, motorhome ou sabe se lá o que mais. Mas uma coisa é certa, nós NÃO desistimos do nosso projeto de vida que é viajar o mundo, viver o máximo que pudermos e chegar até a Austrália

Muitos motivos nos levaram a tomar essa decisão, como por exemplo os gastos com o carro e a manutenção. Por mais forte e resistente que o Tdi seja, nossa Land Rover Defender 110, ele quebra, dá gastos e levou parte do nosso dinheiro “embora”. Não estamos chorando as pitangas aqui, não fomos ingênuos a tal ponto de pensar que nada poderia nos acontecer. Pelo contrário quisemos, mais que tudo, encarar parte da viagem dessa forma e foi ótimo vivenciar o que é ser um Overlander e sabe de uma coisa, queremos muito voltar a ser um dia. Quem sabe!

Acho que desde o início eu sentia que o carro ficaria para trás em algum momento, já que desde o dia que compramos nós falávamos que se as contas apertassem ele entraria no jogo, venderíamos (mas ainda não chegou esse momento de vender, calma). Hoje é muito mais difícil dizer isso, não tem como não se apegar com esse monstro que às vezes parecia bem desajeitado na estrada… hehehe. Temos um elo sentimental por ele, de carinho que eu nunca pensei que teria por um carro, me emociono só de pensar na possibilidade dele partir. O Marcos, acho que ele pensa bem menos que eu nessa possibilidade… hehehe

Sendo assim, decidimos encerrar está parte da viagem – Parte 1, o Tdi – com um infográfico com algumas informações, umas úteis e outras nem tanto, do que passamos nesses meses e de alguns gastos. Temos tudo compilado, tentamos anotar tudo que gastamos, cada coisinha comprada e onde podíamos economizar. Certamente deixamos de anotar algumas coisas, não somos tão bitolados com isso.

Clique na imagem para visualizar melhor 😉

Infográfico A 4 Pés - Parte 1, o Tdi

Infográfico A 4 Pés – Parte 1, o Tdi

Viajar de carro é mais caro do que viajar de mochilão?! Não temos certeza, mas poderemos comprovar isso para vocês em breve. Sabemos das limitações e da liberdade de cada tipo de viagem e isso não nos incomoda, pelo contrário, temos ansiedade pelo que esta por vir, já que viajar um mês de mochilão pela europa ou américa do sul é bem diferente do que viajar meses por aí, se virando para economizar como puder… Não temos grana para tudo, não somos ricos e ainda não ganhamos na mega sena (mas estamos tentando), mas não é isso que vai nos segurar. Precisamos do mínimo para viver essa experiência de vida e é por isso que vamos buscar. Pois como disse Amyr Klink “pior que não terminar uma viagem é nunca partir” e em breve partiremos de novo.

—-

PS: Sobre o infográfico é importante dizer que contemplamos apenas gastos e dias que ficamos rodando, por exemplo, não estamos considerando os dias que ficamos em Osasco na época que nosso sobrinho nasceu. Dúvidas, é só comentar aqui que vamos responder! E para ver mais sobre nossos número acesse nossa página de Estatísticas.

You Might Also Like

7 Comments

  • Reply agatha 23 de January de 2015 at 08:31

    Oi, Cau.
    Vez ou outra eu entro aqui no site pra ler os post de vocês. Assustei quando vi esse post de “fim da primeira parte” e confesso que fiquei triste. Que pensa que não vai dar para terminar essa viagem por agora, mas como você disse, novas possibilidades virão e estou na torcida para que o melhor aconteça para vcs. Continue nos atualizando, contando as experiência, falando dos planos, é sempre muito bom sair da rotina com o que você postam, é como se a gente que tá aqui lendo viajassem junto.
    Grande abraço.

  • Reply Edson Diogo de Castro 29 de April de 2015 at 16:19

    Ola parabéns pela aventura, eu e minha esposa estamos nos preparando para fazer uma pela américa do Sul, o gasto de vcs em torno de 44 dolares dia é por pessoa ou o casal, Gratos Edson

    • Reply Marcos 29 de April de 2015 at 22:27

      Boa noite Edson, a não ser que indicado o contrário, o cálculo é sempre por dia para o casal.

  • Reply Alice Miranda 25 de July de 2015 at 14:26

    Ei Cau e Marcos, estamos aqui no site pesquisando e pegando mais dicas com vocês. Também tivemos um contratempo e estamos de novo em Ipatinga, mas espero que por pouco tempo, estamos programando voltar a estrada mês que vem. Uma dúvida: como contabilizaram o valor que economizaram? Abraços e espero encontra-los na estrada em breve.

    • Reply Marcos 25 de July de 2015 at 15:22

      O valor economizado foi sempre contabilizado dependendo do que era (hospedagem, passeio, etc.) e do local. Era calculado baseado no que não era gasto.

      Se era uma hospedagem, sempre rodávamos pesquisando hospedagens antes de escolher ficar no carro, dessa forma já sabíamos quanto economizaríamos (pegávamos como base o lugar mais barato). Se era um passeio, calculávamos com o desconto que recebíamos, pois sempre pedíamos por isso. Alguns não chegávamos a calcular economia, como se jantassemos o resto do almoço por exemplo, não entrava no cálculo. Assim vai.

      esperamos encontrá-los também em breve. Abs!

  • Reply Gestor TI 1 de August de 2015 at 14:24

    18 meses para guardar pra sempre…

    Parabéns!

  • Leave a Reply