Dia a dia

Hora do Embarque

28 de August de 2016
Placa de Embarque do Aeroporto de Guarulhos - SP

Passamos a semana nos organizando e preparando tudo para a hora do embarque, fizemos um grande check list (vou colocar ele no final do post) para nos cercamos o máximo possível. E olha que nem assim foi fácil, não foi fácil fechar a mala, muito menos dizer tchau. Mas a nossa escolha foi essa, rodar o mundo e chegar na Austrália, então partimos para viver o desconhecido. 

Dessa vez decidimos não fazer uma grande despedida, como foi da primeira e segunda vez, não estávamos no clima, e o Marcos já contou um pouco no post anterior de como voltamos, não é?!

Passamos o sábado em casa, recebemos alguns amigos, almoçamos com meus pais, fechamos o mochilão, embalamos. Estávamos cada vez mais perto da partida e em minha barriga parecia que tinha milhares de borboletas, sem falar dos ciscos que não paravam de cair em meus olhos. 😀

Queríamos sair de casa às 00:00, mas o voo era só às 5:55 da madruga de domingo, será que estávamos ansiosos? Recebemos alguns amigos em casa, e outros não puderam vir. Nos despedimos, de certa forma, de todo mundo. Entre uma conversa e outra ficamos prontos. Chegou a hora, de novo, de dar tchau. Parece que gostamos disso, mas confesso que é bem doloroso partir.

Amigos em casa

Família  

No fim das contas saímos de casa às 01:30 da manhã (não preciso citar os longos abraços, beijos e algumas lágrimas), o que foi bom, pois o check-in da Taca só se iniciou às 03h. Meus pais nos levaram até o aeroporto de Guarulhos e aguardaram nosso embarque para irem embora. Já havíamos feito o check-in on line, então era só despachar as mochilas.

E bem aí, tivemos um problema, quer dizer não foi bem um problema, só uma observação que a funcionária nos alertou e precisou aguardar uma autorização para liberar nossa entrada. Para ela, o fato de não termos uma passagem/bilhete de saída do Peru poderia ser complicado. A questão é que realmente não temos essa passagem e não temos tínhamos como comprovar a tal saída, pois assim que ela nos liberou e passamos por todos os trâmites de embarque, sentamos, nos conectamos e reservamos um Hostel no Ecuador. Não teremos bilhete de transporte, mas temos uma hospedagem garantida (que fizemos pelo Booking.com, então conseguiremos cancelar sem custo se não chegarmos lá na data selecionada).

De resto correu tudo bem, tirando meu leve medo de voar de avião. Podem falar que é mais seguro, que isso que aquilo, mas na hora que sai do chão eu fico bem preocupada, falta ar e preciso concentrar na respiração. rsrs

As 5 horas do voo passaram rápido demais, dormimos praticamente o tempo todo, acordamos apenas para tomar o café da manhã e sair do avião. Desembarcamos sem problemas, pegamos um taxi no aeroporto (R$ 60,00 aproximadamente) e fomos direto para a rodoviária. Nosso ônibus para Cusco saiu às 16:30, e são só mais 18h de viagem. Fácil, não é?

Depois conto como foi a experiência de viajar em um ônibus de poltrona que inclina 180°… estamos sonhando com essa hora!

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply